quarta-feira, 31 de julho de 2013

81º DIA - 100 DIAS DE ORAÇÃO IMPACTANDO A FAMÍLIA




"Habite ricamente em vós a Palavra de Cristo" (Colossenses 3. l 6).

Como vimos, não é exagero ler demais a Palavra de Deus, mas sim uma necessidade. Ler a Bíblia, absorver a Bíblia, ingerir a Palavra é uma ordem de Deus para nós.
Sem a Palavra não há relacionamento com Deus. Nela encontramos o próprio Deus, encontramos o nosso começo com Cristo, salvação. Com ela alimentamos o nosso relacionamento com Deus, que deve ser forte e constante. A Palavra é instrumento de restauração, de libertação, de cura para nossa alma doente. É a base de tudo.
A nossa alma tem sede da Palavra, e ela deverá ocupar lugar central na vida da cada cristão que desejar desfrutar da presença de Deus. O grande problema de muitos crentes é desprezar a Palavra, empobrecendo espiritualmente. Também o desvalor pela Palavra abre um espaço enorme para Satanás atacar.
A Palavra é bússoia que conduz o filho de Deus até encontrar-se com o comandante face a face, mas precisa ser praticada. Só conhecê-la e não colocá-la a valer na sua vida, de nada adianta, e nenhum valor ela tem.

OREMOS:

1) Para que adolescentes e jovens tenham cada vez mais compromisso com a leitura da Bíblia e com a oração;
2) Por adolescente e jovens quebrantados e sensibilizados pelo Espírito Santo;
3) Para que os líderes de juventude das igrejas sejam exemplos de vida devocional para seus liderados;
4) Para que nossos adolescentes e jovens encontrem verdadeira alegria na leitura e na meditação bíblica e no momento secreto de oração;
5) Para que cada adolescente e jovem tenha a Bíblia como bússola de verdade para a vida.


Trecho do Livro 100 Dias de Oração Impactando a Família
SAIBA MAIS SOBRE A CAMPANHA ACESSANDO: www.100dias.com.br.  


terça-feira, 30 de julho de 2013

80º DIA - 100 DIAS DE ORAÇÃO IMPACTANDO A FAMÍLIA





Cresci em um lar onde os valores familiares sempre foram muito bem delimitados. O respeito aos país, a admiração pelos cabelos brancos de experiência dos avós, a obediência às tias e tios e a fidelidade com os primos. Tudo bem claro nos exemplos que tive, e por isso hoje posso claramente entender que meu caráter
se formou. O que vemos na sociedade em relação aos adolescentes e jovens tem sido outra história.
Como juventude, qual a nossa função? Orar pela vida espiritual de nossos país, interceder pelos nossos lares e não nos corrompermos com a situação mundial família. Nosso Deus nos exorta a cuidarmos da criação d'EIe, e nossa família faz parte deste plano. A nossa saúde espiritual depende disso, mas que não
o façamos buscando compensação. Que busquemos ser filhos relevantes para nossos pais e assim nossos futuros filhos olharão para nós e conseguirão compreender a presença do Pai em nossas vidas, nos trazendo
honra de pai e de mãe. Honre a Deus e seu filho te honrará sem precisar de uma palavra.  Que Deus nos abençoe.

OREMOS:

1) Pelos nossos adolescentes e jovens, para que saibam honrar seus pais e avós; 
2) Pela vida espiritual dos pais e avós de nossos adolescentes e jovens e, se for o caso, pela sua conversão;
3) Para que os pais dos nossos adolescentes e jovens, especialmente os que não são cristãos compreendam e apoiem a caminhada de seus filhos com Deus e no ministério;
4) Para adolescentes e jovens façam sua parte na manutenção da saúde da família; 
5) Para que os pais honrem a Deus,facilitando que sejam
honrados por seus filhos.

Trecho do Livro 100 Dias de Oração Impactando a Família
SAIBA MAIS SOBRE A CAMPANHA ACESSANDO: www.100dias.com.br.  

segunda-feira, 29 de julho de 2013

79º DIA - 100 DIAS DE ORAÇÃO IMPACTANDO A FAMÍLIA

Temática da 12ª Semana: Famílias saudáveis geram Adolescentes e Jovens Saudáveis.
Escritores: Gilciane Abreu (79°, 81° e 83°);
                           Ronan Lima (80° e 82°) e
                           Igor Bonan (84° e 85°) - Juventude Batista Brasileira




"Somos transformados de glória em Glória na mesma imagem."

É incrível saber que o Deus criador de todas as coisas tem uma história para você enquanto caminha seguindo os seus passos, suas pegadas Neste relacionamento o que Deus deseja é construir em você a identidade de Cristo. A relação pessoal e íntima com Deus é uma decisão que precisa ser tomada diariamente.
Sendo assim, você consegue desfrutar a transformação de fé em fé, de glória em glória, de acordo com o caráter de Cristo que opera em sua vida.
Cristo é o nosso padrão de intimidade com Deus. Sua presença habitacional em nós é a resposta para o problema básico de uma vida ou de um prova. Daí a vital importância do nosso relacionamento com Deus, da nossa intimidade com Ele.
Você vai sentir que o Senhor está sempre próximo. O pecado vai começar a perder seu atrativo. O Espírito Santo falará por intermédio de você. Você terá o desejo de Deus ser exaltado por meio de sua vida de seu comportamento, suas palavras, e seu trabalho.

OREMOS:

1) Para que Deus produza cada vez mais em nós a identidade de Cristo;
2) Para que os adolescentes e jovens cristãos vivenciem mais intimidade com Deus; 
3) Por uma verdadeira conversão daqueles adolescentes e jovens de nossas igrejas que ainda não desfrutam de um relacionamento pessoal e novo com Cristo;
4) Pela juventude de nossas igrejas, para que sejam cheias do Espírito Santo e, assim o pecado perca seu poder atrativo;
5) Pelos adolescentes e jovens cristãos cujos pais e irmãos não são convertidos para que sejam fortes e corajosos no testemunho de Cristo em suas famílias.


Trecho do Livro 100 Dias de Oração Impactando a Família
SAIBA MAIS SOBRE A CAMPANHA ACESSANDO: www.100dias.com.br.  

sábado, 27 de julho de 2013

78º DIA - 100 DIAS DE ORAÇÃO IMPACTANDO A FAMÍLIA



Vemos com tristeza, espanto e muita preocupação que esse mal já se aninhou no meio evangélico.
O divórcio faz desaparecer a diferença entre os lares cristãos e os não cristãos. À medida que essa diferença desaparece, é quebrado o impacto entre o santo sobre o mundano. O certo se confunde com o errado e vice-versa, e os “cristãos" relativizam os absolutos de Deus, na busca de justificar seus pecados.
A família sempre foi o maior objetivo do ataque satanás. Tudo começou no jardim do Éden, com o primeiro casamento. O Diabo sabe que seu fim se aproxima, e não admite sofrer a derrota sozinho. Seu intento é manchar a igreja de Jesus, atacando as famílias.
Satanás sabe que uma igreja, com famílias fortes e alicerçadas nos princípios eternos de Deus, é uma fortaleza contra seus ataques.
Meus irmãos! As famílias se constituem no alvo preferido de Satanás, que tem no divórcio a sua maior arma de destruição. No divórcio, ele faz você acreditar que “vale tudo" pelo direito de ser feliz. Faz você acreditar que o perdão não existe no relacionamento marido e mulher. Induz a crer que a solução é desunir o que Deus
uniu, negar as promessas do altar e se entregar ao conselho do ímpio, na demoníaca prática do divórcio

OREMOS:

1) Para que o mal do divórcio não tome conta do meio evangélico assim como do mundo;
2) Para que os valores cristãos sobre o casamento não sejam relativizados;
3) Para que Deus preserve a família contra os ataques ferozes do Diabo;
4) Peia igreja, para se fortaleza contra esses ataques;
5) Pelos casais cristãos, para que permaneçam casados, buscando em Deus a renovação constante do amor e do respeito.

Trecho do Livro 100 Dias de Oração Impactando a Família
SAIBA MAIS SOBRE A CAMPANHA ACESSANDO: www.100dias.com.br.  


77º DIA - 100 DIAS DE ORAÇÃO IMPACTANDO A FAMÍLIA


A Bíblia não menciona nenhum tipo de espancamento mas uma correção idealizada por Deus para fazer, dos nossos filhos, homens e mulheres honrados, obedientes e educados. Os métodos do mundo são ineficazes, basta ver como está a juventude brasileira.
O governo não pode ter nenhuma autoridade sobre a maneira como educamos nossos filhos, só Deus a tem.
As autoridades não precisam fazer leis contra a disciplina. Todo e qualquer abuso disciplinar deve ser punido e, para isso, crianças, idosos, incapazes e mulheres, são protegidos pelas leis já existentes.
O que está acontecendo é uma intromissão abusiva das autoridades, querendo nos empurra goela abaixo, um sistema utópico, elaborado por gente sem o mínimo temor a Deus.
Se você não corrigir seu filho com a vara da correção hoje, amanhã ele poderá apanhar da polícia. Nunca deixe de obedecer à Palavra, pois o próprio Jesus disse: “Errais em não conhecer a Verdade".

OREMOS:

1) Para que os pais criem seus filhos debaixo da disciplina bíblica;
2) Pelos pais, para que não confundam disciplina bíblica com espancamento;
3) Pela valorização dos métodos de Deus para criação dos filhos;
4) Pela não intromissão abusiva do governo sobre a maneira como educamos nossos filhos;
5) Pelos nossos filhos, para que cresçam na obediência à Palavra de Deus e não venham a sofrer no futuro.


Trecho do Livro 100 Dias de Oração Impactando a Família
SAIBA MAIS SOBRE A CAMPANHA ACESSANDO: www.100dias.com.br.  


sexta-feira, 26 de julho de 2013

76º DIA - 100 DIAS DE ORAÇÃO IMPACTANDO A FAMÍLIA



A degradação da família é um processo galopante e extremamente preocupante. Como buscar ideais para a nossa pátria, com as famílias sendo solapadas pelas drogas, divórcios, pornografia, bebidas, e baladas regadas a tudo o que é nocivo? Como ter igrejas fortes se afrouxarmos os princípios eternos de Deus? Se a degradação da família é uma realidade num processo galopante, o que fazer? Assusta-me a apatia dos pais no cuidado da família e da igreja, diante dessa situação demoníaca. Só pode vir de Deus o freio da degradação da família. E Ele usa a sua igreja.
Infelizmente, acho que nem todas estão desenvolvendo o papel que Deus espera. Cristo é a única solução para salvar a família. É papel da igreja é proclamar esta verdade para as famílias desesperadas e sem esperança.
A igreja não pode falhar nem silenciar-se diante do caos familiar em que vivemos. Ela é responsável para ensinar aos pais a cuidarem de seus lares à luz da Palavra. Juntos, igreja e pais, sob o Senhorio de Cristo, podem e devem evitar a degradação da família.
Ensina a criança no caminho em que deve andar e ainda quando for velho não se desviará dele" (Provérbios 22.6).

OREMOS:

1) Em favor da não degradação da família;
2) Pelos país, para que não sejam apáticos no cuidado da família e da igreja;
3) Pela igreja, para que desempenhe com firmeza o papel que Deus espera
para a preservação da família;
4) Pelos nossos governantes, para que se arrependam das tentativas de
degradar a família e se voltem para os valores da Palavra de Deus;
5) Para que Deus guarde os lares brasileiros destes atentados e salve a família.


Trecho do Livro 100 Dias de Oração Impactando a Família
SAIBA MAIS SOBRE A CAMPANHA ACESSANDO: www.100dias.com.br.  

quinta-feira, 25 de julho de 2013

75º DIA - 100 DIAS DE ORAÇÃO IMPACTANDO A FAMÍLIA


Onde estão os exemplos para os nossos filhos e para os nossos lares?  
Conheci e conheço lares que são verdadeiras inspirações na igreja, e dignos de serem seguidos, pela seriedade com que encaram a vida cristã e a igreja.
Meu pai ensinou-me a amar a igreja com seu exemplo, pois mesmo depois de um longo dia de trabalho no sítio, ainda reunia forças e ânimo para me carregar por alguns quilômetros até a pequena congregação.
Pais imitadores de Cristo terão filhos imitadores do Mestre. Os pais, como líderes em seus lares, devem procurar ser exemplos para que, principalmente seus filhos tenham heróis espirituais para se espelharem.
Os pais são heróis e exemplos de vida para os filhos. Isso é um grande privilégio e uma imensa responsabilidade, pois nosso testemunho poderá aproximá-los ou afastá-los dos caminhos de Deus.

OREMOS:

1) Pelos pais, para que assumam com coragem e lealdade a Deus a responsabilidade de serem exemplos para seus filhos;
2) Pelos nossos lares, para que sirvam de inspirações na igreja;
3) Para que o cansaço causado pelos nossos afazeres diários não seja uma desculpa para a falta de compromisso com a vida cristã e a igreja;
4) Pelos filhos, para que observem e imitem o bom exemplo de seus pais.


Trecho do Livro 100 Dias de Oração Impactando a Família
SAIBA MAIS SOBRE A CAMPANHA ACESSANDO: www.100dias.com.br.  


quarta-feira, 24 de julho de 2013

74º DIA - 100 DIAS DE ORAÇÃO IMPACTANDO A FAMÍLIA




O relativismo é uma corrente que nega toda verdade absoluta e perene, assim como toda ética absoluta, ficando a critério de cada indivíduo definir a sua verdade e o seu bem.
Este é o grande perigo, que está rondando a igreja e, conseqüentemente, as famílias.
A verdade absoluta não existe, e cada um determina o que fazer e como fazer. O importante é ser feliz, mesmo que, para tanto, seja ignorada a Palavra de Deus.
A influência do mundo relativista leva cada membro da família a olhar e se importar egoisticamente com seu próprio umbigo, ignorando por completo o ideal de Deus.
Tudo é relativo, quer dize qualquer coisa serve, contanto que me agrade e satisfaça os desígnios do meu coração, mesmo que sejam maus.
Vida cristã em família é totalmente o contrário e tem como resultado a promessa de ser bem-sucedida (Js I.7). Perceba que, em todo comportamento relativista estão presentes sentimentos como: egoísmo, ignorância da Palavra de Deus, desobediência total destemor e desrespeito aos mandamentos e princípios da Bíblia.

OREMOS:

1) Para que nossas famílias não sejam afetadas pelo relativismo;
2) Pelos membros das nossas famílias, para que não sejam apanhados pelo egoísmo ignorando a Palavra de Deus;
3) Pelas famílias, para que sejam norteadas pelas verdades absolutas, imutáveis e eternas da lei do Senhor;
4) Pelos maridos e pelas esposas, para que busquem na Palavra de Deus os padrões de comportamento sadio para o relacionamento conjugal;
5) Pelos filhos para que não se rebelem contra os princípios da Bíblia.


Trecho do Livro 100 Dias de Oração Impactando a Família
SAIBA MAIS SOBRE A CAMPANHA ACESSANDO: www.100dias.com.br.  


73º DIA - 100 DIAS DE ORAÇÃO IMPACTANDO A FAMÍLIA



Valores são normas, princípios ou padrões sociais aceitos ou mantidos por indivíduos, classe, sociedade, etc."  (Dicionário Aurélio).

A humanidade necessita de valores que norteiem a sua vivência em comunidade. Muito se fala em valores que eram observados, mas hoje nem são lembrados, graças à decadência moral da família. A ausência de valores provoca na família rupturas que dificilmente serão consertadas, pois aqueles que a compõem, pai, mãe e filhos vêm adquirindo "novos" procedimentos que a têm distanciado dos padrões de Deus. E como podemos definir a ética cristã? “É um conjunto de valores extraído da Palavra de Deus que deve determinar o comportamento do crente, garantindo o bom testemunho do filho de Deus. O nosso código de ética é a Palavra de Deus. São valores eternos e divinamente inspirados para fazer das nossas famílias, lares que espelhem o caráter de Cristo. A ausência desses valores levará os lares ao caos. Os valores eternos se constituem em bens que devem ser guardados como tesouros, que enriquecem nossos lares.

OREMOS

1) Pelas famílias cristãs, para que preservem os Valores da Palavra de Deus em meio a uma sociedade decadente;
2) Pelas famílias em geral para que não selam destruídas pelos "novos" procedimentos divorciados dos padrões de Deus;
3) Para que o comportamento dos crentes reflita os valores do código de ética de Deus;
4) Para que nossos lares espelhem o caráter de Cristo;
5) Para que a sociedade como um todo perceba o caos iminente e se volte aos valores da Palavra de Deus.


Trecho do Livro 100 Dias de Oração Impactando a Família
SAIBA MAIS SOBRE A CAMPANHA ACESSANDO: www.100dias.com.br.  


segunda-feira, 22 de julho de 2013

72º DIA - 100 DIAS DE ORAÇÃO IMPACTANDO A FAMÍLIA


Temática da 11º semana: Família Saudável e os Desafios deste Tempo II
Escritor: Antônio  Mendes 0 Pastor da 1ª IB de Atibaia, SP




Josué em (Josué 24:14 e 15) pontua algo extremamente grave, o legado negativo dos pais. Tal legado trazia no seu bojo destemor do Senhor, apego aos deuses estranhos e dedicação a eles. Temer a Deus é um respeito profundo e devoção total a Ele, merecedor de toda a nossa dedicação. Josué desejava lares aquecidos espiritualmente e, para isso, ele pediu algumas atitudes que devemos ter, mesmo milhares de anos depois: Temor, Integridade no servir, Fidelidade e Abandono total dos deuses de seus país.
Creio que podemos aquecer espiritualmente nossos lares controlando ou eliminando os deusezinhos do século XXL como: trabalho, televisão, internet, lazer, vaidades, vícios, compromissos sociais, e outros, que tanto tomam lugar do tempo de devoção ao Deus vivo.
Josué decidiu manter o seu lar aquecido, dizendo: “Eu e a minha casa serviremos ao Senhor".

OREMOS:

1) Para que nossas famílias renovem o compromisso de sair do esfriamento espiritual;
2) Para que nossas famílias renunciem a toda forma de idolatria;
3) Para que nossos lares sejam repletos de temor a Deus, integridade no servir e fidelidade;
4) Para que os deusezinhos do século XXI não tomem o tempo de devoção a Deus;
5) Para que todos os lares cristãos vivenciem genuinamente a declaração "Eu e a minha casa serviremos ao Senhor".

Trecho do Livro 100 Dias de Oração Impactando a Família
SAIBA MAIS SOBRE A CAMPANHA ACESSANDO: www.100dias.com.br.  


71º DIA - 100 DIAS DE ORAÇÃO IMPACTANDO A FAMÍLIA


Muitos dos chamados desastres naturais podem ser conseqüência da irresponsabilidade dos governos, da teimosia dos cidadãos, da nossa relação irrefletida com o meio ambiente.
Quando Deus criou o ser humano e o colocou no jardim do Éden, ordenou claramente um desenvolvimento sustentável do planeta (Gênesis 2. I 5). Vê-se por aqui que a responsabilidade ecológica não foi uma invenção humana moderna, foi uma ordenança divina antiga. É preciso que no seio da família valores "ecológicos" comecem a ser disseminados desde cedo para que as famílias cristãs cumpram também a ordem de lavrar e guardar o planeta; para que as famílias cristãs não experimentem a “vingança" da natureza e para que o "apocalipse", a manifestação dos filhos de Deus cumpra a ardente expectação da criação.
Ore para que a família cristã aceite o desafio divino da proteção do meio ambiente.

OREMOS:

1) Pelas famílias, para que sejam agentes de preservação do meio ambiente;
2) Pela revitalização nas famílias do princípio da mordomia cristã com relação ao meio ambiente;
3) Para que os valores ecológicos sejam disseminados desde cedo nas famílias cristãs;
4) Para que a família cristã aceite o desafio da proteção ao meio ambiente;
5) Pelo equilíbrio ambiental de nosso planeta.


Trecho do Livro 100 Dias de Oração Impactando a Família
SAIBA MAIS SOBRE A CAMPANHA ACESSANDO: www.100dias.com.br.  



sábado, 20 de julho de 2013

70º DIA – 100 DIAS DE ORAÇÃO IMPACTANDO A FAMÍLIA



Talvez porque a guerra contra o crack e contra a droga não seja meramente uma questão de segurança pública, mas de segurança família. A guerra contra a droga começa no seio família. Famílias cristãs precisam ser constituídas e mantidas nos princípios bíblicos, tendo experimentado genuína conversão para que sejam verdadeiras trincheiras espirituais e morais na guerra contra as drogas. Famílias cristãs precisam vigiar contra influência externas, com valores não cristãos, para que o caminho que foi ensinado ao menino (Pv 22.6) não seja substituído por caminhos que parecem mais prazerosos mas que são os caminhos da morte. Além disso a comunicação dentro da família cristã deve encarar de forma transparente]os desafios deste tempo.
Nós não devemos nos esquecer jamais que o caminho das drogas e do pecado se apresenta sempre bonito e prazeroso. Ore para que a família cristã seja constituída e mantida nos princípios bíblicos e sejam refúgio contra as drogas. Ore por sabedoria na abordagem clara e bíblica do problema das drogas.

OREMOS:

1) Para que a família não sucumba diante do desafio das drogas;
2) Peia conversão dos membros da família, melhor escudo contra as drogas;
3) Pelos filhos, para que não sejam dominados pela curiosidade de experimentar drogas ilícitas e licitas; 
4) Pela libertação e restauração dos familiares que já estão aprisionados pelas drogas;
5) Para que as nossas famílias sejam refúgio contra as drogas, sabendo
tratar a questão com sabedoria e fundamentação bíblica.


Trecho do Livro 100 Dias de Oração Impactando a Família
SAIBA MAIS SOBRE A CAMPANHA ACESSANDO: www.100dias.com.br.  


sexta-feira, 19 de julho de 2013

69º DIA – 100 DIAS DE ORAÇÃO IMPACTANDO A FAMÍLIA


A grandiosa influência dos meios de comunicação é inquestionável e por isso não é tanto sua influência que deve nos preocupar mas sobretudo a mensagem que é transmitida. Boa ou má, verdadeira ou falsa, edificante ou demolidora dos valores cristãos, a mensagem poderá conquistar e até dominar membros da família, estabelecendo ora o conflito no seio familiar e em conseqüência a desagregação família ora a "reunião" e a ligação familiar.  As redes sociais parecem ser neste tempo, por um lado, as grandes vilãs; e por outro, as grandes vitoriosas nesse processo de comunicar valores e princípios. O ser humano vai se tornando cada vez mais “transparente"
nas redes sociais, também para as obras infrutuosas das trevas.
Ore para que a família cristã encontre tempo na azáfama da vida para compartilhar e transmitir valores cristãos e princípios bíblicos uns aos outros.

OREMOS:

1) Pelas famílias, para que não se deixem influenciar para o mal pelos meios de comunicação;
2) Para que o tempo gasto à frente da TV ou da internet não acarrete o esfriamento do relacionamento entre os membros das famílias;
3) Para que os veículos de comunicação sejam cada vez mais ocupados pela pregação da Palavra de Deus;
4)  Por santidade na hora de acessar os meios de comunicação
5) Para que a família cristã encontre tempo para compartilhamento cristão.


Trecho do Livro 100 Dias de Oração Impactando a Família
SAIBA MAIS SOBRE A CAMPANHA ACESSANDO: www.100dias.com.br.